domingo, março 23, 2008

De Paschoal

Je Suis nasceu em Paris, mas mudou-se para Jerusalém ao completar 33 anos. Nesta idade, ele está um pão; tanto assim que ao desembarcar, levou uma inesperada mordida na bochecha. “Oh la la”, ele exclamou, oferecendo a outra face. “Não, este lado está queimadinho”, disse Madeleine Peyroux em lá maior. “Oh la la, Je Suis viajou na janelinha”, disse e completou: “Oh la la, agora você deixou Je Suis com fome, Madeleine”. Limpando o sangue do lábio inferior, Madeleine disse “Oh la la, em mi bemol, você tem RH O negativo!” e sorriu enigmaticamente

Em Jerusalém, Chris, o Judeu, tocava sua pequena empresa fazendo grandes negócios. Eram bolos, grandes bolos e eram tão enormes, que Chris, o Judeu não conseguia vendê-los, ainda que cobrasse um módico Novo Shekel por unidade (não por quilo, entendam). Seus bolos eram tão imensos que Chris, o Judeu, começava a ser mal-visto pela comunidade. “Ele está construindo uma Torre de Babel?”, perguntavam-se os moradores da região. “Se estiver, a face leste está queimadinha”, concluíam diariamente. Já Chris, o Judeu, pouco se importava com o falatório da vizinhança, mas praguejava com freqüência indevida para um judeu: “Malditos fermentos que uso, vão me levar à bancarrota!” e soluçava enigmaticamente.

Tom é um etíope que chegou em Jerusalém fugido da fome. Ela o perseguia tanto, mas tanto, e há tanto tempo, que tanto eu como Tom não sabíamos mais o que fazer com a palavra tanto, que em amárico quer dizer “fome de caras queimadas”. Tom esgueirava-se faminto entre os becos e vielas de Jerusalém quando, aflito e desamparado, olhou para a lua que iluminava candidamente o solo sagrado. “Um dia, vou comê-la, sua bola de queijo”. Madeleine Peyroux, que ali passava com Je Suis, assustou-se ao ouvir o lamento famélico de Tom: “Oh la la, um canibal afinado!”. Tom olhou para a mulher com desdém, já que falava com a lua. A lua, por sua vez, olhou para Tom e brilhou enigmaticamente.

- Oh la la, Je Suis vê uma boulangerie! – exclamou Je Suis.
- Oh la la, é uma torre de babel! – disse um dos vizinhos de Chris, o Judeu.
- Ê laia, vocês vão me pagar um bolo? – perguntou Tom, em amárico.
- Oh la la, não entendi patavinas, mas você é mesmo afinado! E está queimadinho! – disse Madeleine.

E assim os quatro partiram para a loja de bolos de Chris, o Judeu. O vizinho de Chris lembrou-se que seu videocassete não estava programado para gravar os melhores momentos dos atentados do Hamas daquela semana e voltou para sua casa. Assim, nossos três personagens entraram sozinhos na loja de...

[NOTA: infelizmente, os pergaminhos referentes aos capítulos trinta e três e os seguintes até o quarenta e dois desta história, não foram escritos devido à greve dos roteiristas de Hollywood. Lamentamos profundamente o episódio e vamos então pular aleatoriamente para o pergaminho noventa e cinco deste script (sim, é um filme – gênero indefinido), em breve num cinema perto de você.]

Então fundidos sob a forma da reencarnação de cristo na Terra, Je Suis Chris Tom encara seu nêmesis, Louis, filho de Tom, revelado como um afinado anticristo. O duelo entre estas forças primordiais já destruiu todas as edificações da sagrada Jerusalém, porque as notas musicais alcançadas por ambos eram tão poderosas quanto o som das trombetas que fazem a linha melódica da sinistra canção do Apocalipse [NOTA: consultar o departamento de efeitos visuais]. Ryan Seacrest, o marinho, aproveita agora uma retomada de fôlego dos competidores e, olhando para uma câmera sagrada, vaticano, digo, vaticina: “This... is... American Idol” e faz biquinho enigmaticamente.

Três peixes assistem com particular interesse à performance dos protagonistas do fim do mundo. São eles: Randy Badejo, Paula Atum e Simon Truta Arco-Íris Cowell. Estupefatos com tamanha capacidade vocal, suas bocas balbuciam pequeninas bolhas de ar que estouram quando atingidas pelas notas celestiais e infernais de Je Suis Chris Tom e de Louis. Reverberando, tais notas flutuam pela devastada Jerusalém e singram mares e oceanos mundo afora. Seus efeitos são catastróficos. Metade das pessoas destras do mundo perde a vida instantaneamente, enquanto a outra metade descobre-se subitamente canhota. Ambas ficam queimadinhas. Este também é o destino de Randy Badejo, Paula Atum e Simon Truta Arco-Íris Cowell, servidos ao azeite e molho branco, com tomilho e rúcula. Vinho branco acompanha, cortesia de Je Suis Chris Tom. Ele pisca enigmaticamente.

Fatigados pela batalha que já dura dezenove pergaminhos, os filhos do Apocalipse reúnem forças para um golpe final, o solo fatality. Je Suis Chris Tom havia poupado um agudo estridente, aprendido com Tetê Espíndola; Louis tinha na manga um grave gutural, Derick Greene como coach. Ao tomarem o fôlego que decidirá esta batalha, ambos aspiram um terço dos rios e metade de Ryan Seacrest, que continua fazendo biquinho enigmaticamente. Rostos franzidos, miram um ao outro e vociferam seus solos ao mesmo tempo.

"Near, far, wherever you are..."

"Oh la la, ambos estão cantando My Heart Will Go On, da Celine Dion!!!!", grita Madeleine em desespero, momentos antes de ser escalpelada pela força sinistra daquelas notas. Mortos enterrados há muito se contorcem em coreografia ritmada, voltando à superfície. [NOTA PATROCINADA: Edição especial dos 25 anos de Thriller, em breve à venda no blog do site da revista do grupo de humor nonsense Errata]

A canção abala as fundações mesmas do quarto planeta do sistema solar, mas não só. Reagindo à horripilante cantoria, a lua treme e treme tanto, mas tanto, que isto é tremendo. E tremendo, livra-se de sua órbita com a agonia dos que têm ouvido absoluto, desabando na Terra ao som do eco dos seguintes versos, os últimos entoados por Je Suis Chris Tom e Louis antes de perecerem biblicamente, num empate técnico:

We'll stay forever this way /
You are safe in my heart /
And my heart will go on and on... on... on... on... on... on...


...on... on... on... on... CLICK... off.

- Desculpem, mas alguém tinha que dar fim nisso. - disse o único sobrevivente daquele terrível momento para humanidade. Era um técnico de som e saboreava um peixe queimadinho coberto por queijo, enquanto saía dos escombros do palco giratório do Jewish American Idol.

- E é queijo gruyère, veja só... - completou, antes de começar assobiar a melodia de “Hey Jude” e partir em direção ao horizonte pós-apocalíptico.

Sim, seu nome era Judas. Mas ainda assim lhes deseja uma feliz Páscoa enigmaticamente.

Marcadores: , , ,

Adicione este post ao del.icio.usAdicione este post ao TechnoratiAdicione este post ao DiggAdicione este post aos favoritos do GoogleAdicione este post ao stumbleuponAdicione este post ao facebookAdicione este post ao LinkkAdicione este post ao UêbaAdicione este post ao diHITT

29 Comentários:

  • Este comentário foi removido pelo autor.

    Por Blogger Doctor Taliesin, às 11:22 AM, março 23, 2008  

  • Este comentário foi removido pelo autor.

    Por Blogger Doctor Taliesin, às 11:23 AM, março 23, 2008  

  • hihihi... tava esperando alguém comentar primeiro. mas ó... ri muito logo de cara com:

    "levou uma inesperada mordida na bochecha. 'Oh la la', ele exclamou, oferecendo a outra face."

    e desabei de uma vez com:

    “This... is... American Idol” e faz biquinho enigmaticamente.

    bem, não vou citar todos os trechos em que ri pq agora vou descer a rua de casa, ir até a boulangerie e comprar um pouco de queijo gruyère.

    talvez eu compre um queijo mascarpone, combina melhor com chocolate... mas preciso de uma italianinha ou basilicata...

    e aí doutores, comeram muito bacalhau?

    ih, este comentário é quase um post.

    Feliz Páscoa.

    Por Blogger Alice, às 12:17 PM, março 23, 2008  

  • Je suis une Colombe de Pâques. Mon papa est Pablo Picasso et mon frère est le Lapin Blanc. La femme de mon frère est Poule des Oeufs de Chocolat.

    Et ils vécurent tous heureux ensemble jusqu'à la fin.

    Por Anonymous Colombine, às 3:19 PM, março 23, 2008  

  • Vcs conseguiram dois patrocinadores para o blog. Percebi isso pelos dois posts seguidos de duas empresas concorrentes de pneus. As rede Zacharias e a D'Paschoal.

    huahuahuahua

    Vão nadar em dinheiro!

    ;¬P

    Por Anonymous chuck procura a noiva, às 3:40 PM, março 23, 2008  

  • Ah, sou um devoto de Deus.

    Do Deus BACO e de seus bacanais!

    huahuahuahua

    Por Anonymous chuck procura a noiva, às 3:51 PM, março 23, 2008  

  • Colega Taliesin, Leitor Idiota e Alemão planejam algo contra você, fiquei sabendo e aviso enigmaticamente.

    Alice, sinto, mas porque é Páscoa não comentarei minhas recentes experiências sexuais.

    Colombine, les paroles de "Pierrot e Colombine" pour Bernard Michel et musique de Henri Salvador:

    Et depuis ce jour
    Elle aime l'amour
    Son petit Pierrot
    Pécheur de lune dans l'eau
    Au claire de la lune

    Une lune de fromage suisse, bien sûr, pour le Pierrot Lunaire!

    Chuck, quer ser o mascote da nossa empresa de pneus? Bacanal como festa de apresentação oficial? Leve a noiva! Swing lúdico!!!

    Amplexos, erratonautas! E bom finalzinho de páscoa!

    Por Blogger Dr. Banner, às 4:27 PM, março 23, 2008  

  • Gruyère combina com Malbec, mas na falta deste, o Edam serve.

    Não gosto de Páscoa, prefiro o Natal. Há uma piada de baixo calão aqui.

    Now I'm gonna sit right down and write myself a letter.

    Por Blogger Srta.T, às 12:23 AM, março 24, 2008  

  • Srta.T, write me a letter! Letter M, from Malbec! I'm wearing a Gruyère suit and drinking a nice glass of Santa. (piscadela)

    Ósculos!!!

    Por Blogger Dr. Banner, às 1:59 AM, março 24, 2008  

  • O biquinho de Je Suis Chris Tom com certeza foi sensacional, mas caro Dr.Banner, não comentar a suas recentes experiências sexuais pascoais conosco foi de muita maldade...Ora pintos!!!

    *Me conta no ouvidinho*

    Por Blogger Cláudia, às 11:34 AM, março 24, 2008  

  • Ah, não, conta no microfone pro último da fila ouvir também.
    Mas sem fazer biquinho, hein!

    Por Blogger Maçã Mordida, às 12:57 PM, março 24, 2008  

  • Cláudia e Maçã Mordida, biquinho eu só faço para a Sra.Banner. E para falar sobre a nossa rotina sexual, só convencendo-a com muito Malbec ou Edam. E gruyère derretido. Há uma piada de baixo calão aqui.

    Amplexos!

    Por Blogger Dr. Banner, às 1:22 PM, março 24, 2008  

  • Este comentário foi removido pelo autor.

    Por Blogger Doctor Taliesin, às 1:46 PM, março 24, 2008  

  • Doutor Banner, duas coisas: antes eu gostaria de dizer que seu texto, como sempre, está do fim-do-mundo de bom. Largo aqui a tesoura só pra bater palmas e não cortar meus dedos. Depois eu gostaria de acrescentar que a piada de baixo calão pode estar oculta mas o Karas tá aqui bem visível e precisa ter uma conversa com vc e com a senhora Banner. E terceiro, boa sorte.

    Doutor Tal, você esqueceu de coçar atrás da orelha! Eu não acho que vc perdeu a piada, foram eles que esconderam muito bem, mas fica tranqüilo que:

    a) Há males que vem para o bem;
    b) A corda sempre arrebenta do lado mais fraco;
    c) Goiaba na beira de estrada, ou é verde ou esta bichada;
    d) Filho de peixe, peixinho é;
    e) Jacaré parado vira bolsa.

    Hugs!

    Por Blogger Dr. Gori, às 2:26 PM, março 24, 2008  

  • *gulp*

    Olha só, Edam substitui o Gruyère, não o Malbec. Aliás, poucas coisas substituem um bom Malbec argentino. Agora mesmo não consigo pensar em nenhuma.

    Também gostaria de anunciar minha revolucionária descoberta para a cura da surdez. Meus métodos podem ser um tanto quanto antiquados, mas garanto total eficácia. Ou seus tímpanos de volta.

    Por Blogger Srta.T, às 5:29 PM, março 24, 2008  

  • Este comentário foi removido pelo autor.

    Por Blogger Doctor Taliesin, às 6:39 PM, março 24, 2008  

  • Corrigindo: "Gruyère combina com Malbec, mas na falta daquele, o Edam serve."

    Pronto.

    Por Blogger Srta.T, às 7:02 PM, março 24, 2008  

  • Srta.T, e na falta do Edam, eu sirvo!!! Espera... Há uma piada de baixo calão aqui...

    Ok, Gori, my fault... Mas o Karas anda lixando paredes ultimamente? Há uma piada de baixo calão ali.

    Taliesin, este seu "Heim"... Preciso dizer?

    Amplexos, moçada!

    Por Blogger Dr. Banner, às 7:10 PM, março 24, 2008  

  • Ora, ora, ora...

    Dr. Banner, a minha pergunta foi puramente sobre gastronomia pascoalina.

    Mas confesso que fiquei curiosa em ver seu biquinho... Depois vou mandar um e-mail pra Sra. Banner e pedir uma foto sua pra ela.

    Por Blogger Alice, às 7:17 PM, março 24, 2008  

  • hahahahahahahahahahahahahahahahhaha eu ri tanto que babei o chocolate da páááááscoa.

    Beijos, Adri

    http://drikaninha.zip.net/

    Por Anonymous Anônimo, às 10:05 PM, março 24, 2008  

  • Algo me diz que a Sra. Banner não é nada amigável...

    Por Blogger Srta.T, às 10:15 PM, março 24, 2008  

  • Hã? Sra. Banner?
    Ué não foi por causa dela que o Banner ficou verde?
    Ou por falta dela?

    huahuahuahua

    E alguém viu a minha noiva por aí?

    Por Anonymous chuck procura a noiva, às 10:24 PM, março 24, 2008  

  • Mascote? meu cachê é alto.

    E só vou junto da minha noiva.

    Portanto, cachê duplo.

    Por Anonymous chuck procura a noiva, às 10:26 PM, março 24, 2008  

  • Alice, fico nervoso quando tiro fotos, então nunca saio inteiro nelas. Além disso, a Sra.Banner não é nada amigável...

    E Chuck, ela (a Sra.Banner) está muito perto de você, mas nada de colocá-la na sua lista de vítimas, pô! Celine Dion te perseguirá para o resto da sua (além-)vida se isso acontecer. Assim está escrito, pergaminho n°38. (sobe trilha do Akira)

    Além de tudo, seremos sócios, mascote! Eu já te disse que sempre achei a sua noiva uma bonequinha?

    Amplexos, erratonautas!

    Por Blogger Dr. Banner, às 3:50 AM, março 25, 2008  

  • Este comentário foi removido pelo autor.

    Por Blogger Doctor Taliesin, às 5:24 AM, março 25, 2008  

  • Sim, Dr. Taliesin, estava acordada mas diante da TV... Ri pra caramba com Os Três Patetas...

    Por Blogger Alice, às 8:01 AM, março 25, 2008  

  • Dr.Taliesin

    esse lance de cabeça de baixo e cabeça de CIMA, eu não entendi...(???), mas isso não vem ao caso.
    O caso é, q as vezes de cabeça pra baixo, as vezes de cabeça pra cima e até mesmo de ponta cabeça!Ora pintos!!!

    Por Blogger Cláudia, às 5:39 PM, março 25, 2008  

  • Ø]}([ö]¡#n¡öøÔå]ö}]#ø96l#?å#Ô(ö(#l(ö(222

    (17,3)

    o/

    Por Anonymous Kajiya, às 8:19 PM, março 25, 2008  

  • Sai pra beber na quinta depois do expediente, sexta sábado e domingo foi aquela farra. Só na segunda me falaram q era feriado porque JE SuiS tinha morrido. Não deu pra ir ao velório. Mas fiquei tranqüilo depois de saber e ele ressuscitou!!!

    Por Anonymous Dj Rudri, às 8:14 PM, março 27, 2008  

Postar um comentário

Links para este post:

Criar um link

<< Voltar para a Página Inicial


Jujubinhas Sortidas: Alien | Aviso | Blogueiro Convidado | Deficiência | Entrevista | Errata Comics | Humor | Imagem | Morto do Dia | Passatempo | Religião | Sexo
© Copyright 2006-2009, Blog Revista Errata - Humor Nonsense